Quero ser DEV: confira as dicas para se inscrever em vagas de emprego mesmo com pouca experiência

Se você é dev e seu projeto é arrumar rapidamente uma posição em uma empresa consolidada ou em uma startup, o currículo Github pode ser o elo que estava faltando para que o sonho se transforme em realidade.

Provavelmente, você já sabe o que é currículo Github, mas não custa nada reforçar este conceito, que pode ser bastante útil para quem está começando.

A “rede social” dos/as desenvolvedores/as é o Github. Todos os projetos, contatos, mudanças em códigos sugeridas por devs, forks e projetos de outras pessoas estão concentrados nesta ferramenta. 

O Github ainda permite que você armazene seus códigos-fontes com muita segurança, faça alterações e volte para a versão inicial, caso o resultado não fique conforme o planejado.

E o mais legal é que a própria plataforma tem um recurso para criar o currículo Github, ajudando os/as desenvolvedores/as a montarem um portfólio interessante e bem estruturado, que servirá como apresentação para se inscrever em vagas de emprego, mesmo com pouca ou nenhuma experiência em uma posição formal.

Ou seja, criar um currículo Github é um dos melhores caminhos para você conseguir se destacar a ponto de se candidatar e conseguir ocupar uma posição como desenvolvedor/a, iniciando uma jornada de sucesso profissional.

É claro que, para ter um perfil de destaque no Github, será necessário desenvolver projetos e aplicar uma dose de dedicação à plataforma. Veja as dicas que separamos para você!

Faça trabalhos como freelancer ou crie projetos pessoais

Se você atua como dev e não tem experiência, fazer alguns trabalhos como freelancer vai contar muitos pontos no seu currículo Github. Se nenhuma oportunidade temporária ou pontual aparecer, crie seu projeto próprio.

Além de usar o seu projeto como uma plataforma pessoal, ele pode ganhar corpo e acabar se tornando uma startup no futuro, já pensou que legal?! 

Embora as aspirações para ser desenvolvedor web mudem de acordo com o perfil de cada profissional, é sempre bacana ter um trabalho pessoal e não-remunerado que mostre que você tem bastante interesse pela área.

Uma dica bem especial é criar produtos mais simples e disponibilizar para os usuários, como APIs, Extensões e Plug-ins.

Invista na sua educação

Profissionais de tecnologia, e os/as desenvolvedores/as fazem parte deste grupo, precisam estudar de forma constante para aprender as novidades que vão fazer o currículo Github se destacar dos demais.

Além de realizar cursos na área, é recomendado participar de fóruns e ler livros e tutoriais que apresentem conteúdos ricos a respeito de desenvolvimento e programação.

E você não precisa focar apenas nos cursos que oferecem diploma. É possível recorrer a cursos livres, que são concluídos em um tempo menor e que podem ser incluídos no seu currículo Github mais rapidamente.

Aprenda inglês

O mundo todo está conectado e a sua primeira oportunidade de emprego através do currículo Github pode ser em uma empresa que tenha sua base fora do país. Sem saber inglês, suas chances de conseguir a vaga realmente despencam. 

Se você está protelando para começar a aprender o idioma ou aprimorar o seu conhecimento da língua inglesa, mude de atitude e passe a dedicar algumas horas diárias para aprender vocabulário, novas estruturas, gírias e termos comuns entre os/as desenvolvedores/as. Sabendo programação e inglês, você pode conquistar o mundo!

Busque novidades para fazer seu currículo Github brilhar

Os/as profissionais de desenvolvimento devem ficar familiarizados/as com muitos termos que são comuns nas atividades de tecnologia atualmente. 

Cloud Computing, IA – Inteligência Artificial, Internet das Coisas, Realidade Virtual, Gamificação, Aplicações Mobile, Realidade Aumentada, nada disso deve ser uma novidade ou um bicho de sete cabeças para você.

Busque saber bastante sobre isso, é interessante ter um conhecimento bem abrangente, inclusive sobre blockchain ou sobre o uso de um framework diferente, que seja uma novidade para você. Uma boa dica para se manter informado/a é acompanhar blogs de programação e ler diariamente notícias sobre o assunto.

Crie um portfólio que fará parte do seu currículo Github 

O seu portfólio será um complemento ao currículo Github, e ele deve ter bastante coisa, principalmente se você ainda não tem experiência suficiente na área de dev a ponto de conquistar um emprego.

O importante é mostrar para as pessoas que você tem muita vontade de trabalhar e que é competente em tudo que faz.

Por isso, ajude na indicação de bugs, na documentação e faça contribuições regulares em códigos de projetos open source, mostrando que você é um membro ativo na comunidade de desenvolvedores/as.

Deixe seus códigos disponíveis no currículo Github, mesmo aqueles que não são para fins comerciais, já que os/as possíveis empregadores/as poderão usá-los para saber exatamente sua habilidade de programação.

Crie seu próprio blog para divulgar notícias, projetos ou análises sobre a área de dev e, se quiser, tenha até seu próprio site para apresentar projetos mais complexos e completos.

Faça estágio e crie um bom networking

Os estágios, tanto remunerados como sem bolsa auxílio, são essenciais para você colocar alguma experiência no seu currículo Github, além de mostrar sua disposição em aprender a qualquer custo.

Trabalhando sozinho nos seus projetos e como freelancer, seu crescimento fica limitado. Ao lado de desenvolvedores/as experientes e participando de projetos com finalidade profissional ou que buscam soluções mais complexas, você vai aprender muito.

É importante ter essa vivência e troca com pessoas que já passaram pelo começo da carreira e que vão saber te orientar da maneira mais assertiva possível. Tudo isso vai contar muitos pontos no seu currículo Github.

Além de ganhar bastante conhecimento para preencher o seu currículo, no seu estágio você vai conhecer pessoas muito importantes e poderá criar um networking essencial para te indicarem para uma vaga ou darem boas referências a respeito do seu trabalho e de suas habilidades comportamentais, as soft skills.

Vale a pena reforçar que é legal você participar de meetups e de encontros técnicos, estar em contato com especialistas em TI e também criar uma rede de relacionamento via LinkedIn.

Os Hackathons também são muito desafiadores e vão testar bastante os seus conhecimentos de códigos e sua capacidade de resolver problemas.

Comece a se especializar em alguma modalidade de desenvolvimento 

Que tipo de desenvolvedor/a você é? Essa é uma pergunta que precisa de uma resposta certeira, que vai te mostrar ao mercado através do currículo Github como um/a verdadeiro/a especialista.

A decisão é sua de atuar como front-end, back-end ou full stack. Conforme você for dominando a área de atuação, seu perfil profissional e as linguagens de programação de sua preferência, seu futuro pode ser como gerente de projetos, principalmente se tiver o perfil de liderança.

Você ainda pode atuar como desenvolvedor/a mobile, fazer análise de dados, trabalhar com engenharia de dados, Site Reliability Engineer, segurança da informação e muitas outras posições. 

Onde procurar emprego sem experiência

A rotatividade no mercado de programação e desenvolvedores/as é muito grande. O seu foco para conquistar um emprego como dev sem experiência ficará voltado para agências de publicidade, consultorias de software e empresas digitais de todos os ramos de atuação.

Inscreva-se em vagas e faça entrevistas de emprego

Não importa se você não tem experiência, tente ser contratado/a mesmo assim. Envie seu currículo Github ou CV tradicional para as vagas que são interessantes e que combinam com o seu perfil.

Quanto mais você se esforçar para conseguir o emprego, maiores são as chances da sua primeira contratação acontecer.

Como montar um bom currículo Github

O primeiro passo para montar o seu currículo Github é ser participativo/a nesta rede de desenvolvedores/as. Quanto mais você estiver envolvido/a em projetos e publicações, melhor será o seu CV.

A etapa seguinte é inserir o seu nome de usuário no GitHub Résumé. Logo depois, o currículo Github será gerado automaticamente para você. É simples, assim!

Uma das principais vantagens do currículo Github é que ele condensa e formata todos os projetos e linguagens com os quais você trabalha, fazendo um resumo bem organizado do seu conhecimento e habilidades, e isso é compartilhado com os potenciais contratantes.

Cursos para desenvolvedores na Gama Academy!

Nós temos ótimos cursos para desenvolvedores/as e programadores/as aqui na Gama Academy. São opções que vão te oferecer a oportunidade de aprender novas habilidades técnicas. Assim, você pode preencher o seu currículo Github com bastante conhecimento sobre a área.

O curso online de programação é muito completo, com conteúdos densos a respeito de Lógica de Programação, Metodologias Ágeis, GIT, HTML, CSS, Estrutura de Dados e JavaScript. Dê um upgrade no seu currículo Github agora mesmo com esse curso bacanudo da Gama!

twitterfacebooklinkedinyoutube-playinstagram